Frases para não se esquecer!

"O que ameaça a Democracia é a fome, é a miséria, é a doença dos que não tem recursos para enfrentá-la. Esses são os males que podem ameaçar a Democracia, mas nunca o povo na praça pública no uso dos seus direitos legítimos e democráticos.". - Presidente João Goulart, em 11/03/1964.

Joseph Pulitzer: "Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma."

"O sigilo não oferecerá nunca mais guarida ao desrespeito aos direitos humanos no Brasil"

(Presidenta Dilma Rousseff, ao sancionar a criação da Comissão da Verdade)

Emiliano Zapata: “Mais vale, homens do Sul, morrer de pé que viver de joelhos!”

sábado, 28 de julho de 2012

Economia brasileira começa a recuperar o vigor, avalia governo!

Economia brasileira começa a recuperar o vigor, avalia governo - do Vermelho

No documento do quarto balanço do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), o governo avalia que as perspectivas da economia continuam incertas. Segundo a análise, o aspecto mais grave desta etapa da crise econômica iniciada em 2008 é que os países emergentes, como o Brasil, sentirão os efeitos do menor volume de comércio internacional nos fluxos de recursos estrangeiros, da deterioração das expectativas de empresários e, ainda, da redução do crescimento da atividade econômica.


Elza Fiúza/ABr
Mirian Belchior_PAC Ministra do Planejamento, Miriam Belchior, anunciou a liberação de um hotsite na internet com perguntas e respostas sobre o PAC
 

Mesmo diante desse quadro nos países considerados avançados, o governo defende que a economia brasileira começa a recuperar o vigor. No documento, técnicos destacam que o PAC é um “componente central para seguirmos essa trajetória de crescimento centrada, principalmente, em melhores condições de vida para a população”.

Diante da crise e dos avanços obtidos pelo Brasil, o governo defende que o PAC continue sendo um instrumento essencial para garantir que o investimento constitua uma das principais forças impulsionadoras do desenvolvimento do país.

O balanço do PAC foi divulgado nesta quinta-feira (26) no Ministério do Planejamento. O documento ressalta que, diante da desaceleração da economia mundial, o governo brasileiro tem atuado continuamente com medidas de estímulo tanto ao consumo quanto ao incremento da competitividade da economia. Entre as medidas, os técnicos do governo destacam as de redução de impostos e o aumento dos recursos para financiar o investimento, com queda das taxas de juros.

Para o governo, não há contradição entre o crescimento do consumo e o aumento do investimento. Para isso, informou o Ministério do Planejamento, o país tem um amplo conjunto de instrumentos de política econômica, como a flexibilização da política fiscal e o aumento da arrecadação com a formalização da economia.

Na avaliação do ministério, o Brasil está sob uma nova e promissora matriz econômica, importante para o investimento, a produção e o emprego. O documento destaca que os avanços não ameaçam a inflação, que, na expectativa do governo, seguiu em trajetória de declínio.

PAC online

Durante a avaliação, a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, anunciou a liberação de um hotsite na internet com perguntas e respostas sobre o PAC.

O interessado deve o acessar o endereço eletrônico http://www.pac.gov.br/sobre-o-pac, que inclui uma seção com perguntas e respostas sobre o programa. De acordo com o governo, o objetivo é divulgar e atualizar as informações sobre as principais obras e ações do PAC 2, além de permitir o acesso a outros dados do programa, como ações institucionais e econômicas, oportunidades de negócios, relatórios, infográficos e vídeos.

De acordo com técnicos do Planejamento, as informações serão divulgadas por meio de notícias produzidas em textos, vídeos, áudios e infográficos. A expectativa é fazer a divulgação também por meio das redes sociais e ferramentas de compartilhamento de conteúdo na internet.

O hotsite também dispõe de um mapa com todas as obras do PAC 2, que pode ser acessado em http://www.pac.gov.br/noticia/8a670671


Fonte: Agência Brasil


Link:
  
http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_noticia=189472&id_secao=1
 

Nenhum comentário: