Frases para não se esquecer!

"O que ameaça a Democracia é a fome, é a miséria, é a doença dos que não tem recursos para enfrentá-la. Esses são os males que podem ameaçar a Democracia, mas nunca o povo na praça pública no uso dos seus direitos legítimos e democráticos.". - Presidente João Goulart, em 11/03/1964.

Joseph Pulitzer: "Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma."

"O sigilo não oferecerá nunca mais guarida ao desrespeito aos direitos humanos no Brasil"

(Presidenta Dilma Rousseff, ao sancionar a criação da Comissão da Verdade)

Emiliano Zapata: “Mais vale, homens do Sul, morrer de pé que viver de joelhos!”

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Dilma inaugura obra e promete ações contra a pobreza no Maranhão!


Dilma inaugura obra e promete ações contra a pobreza no Maranhão

Publicado em 03/12/2012
São Paulo – A presidenta da república, Dilma Rousseff, afirmou hoje (3) que as obras de modernização do Porto do Itaqui, no Maranhão, podem ajudar a tirar famílias da extrema pobreza ao oferecer empregos e crescimento econômico para o país. A declaração foi feita durante a inauguração do Berço 100 do porto, em São Luís, capital do estado.
“Estamos estruturando uma rede logística, que significa emprego, renda e crescimento econômico e para essas crianças [beneficiárias do programa Brasil Carinhoso] e suas famílias. O futuro delas não estará em receber o benefício, mas no emprego e na educação”, afirmou a presidenta. 
A presidenta declarou ainda que existem duas frentes para garantir que as famílias deixem a pobreza: a educação e as oportunidades de trabalho. “Vamos assegurar que elas tenham creche, que se alfabetizem na idade certa e que tenham educação integral. Essa é uma porta. A outra está aqui: precisamos do trabalho e da eficiência de todos os que trabalham aqui para construir um Brasil mais risco e justo socialmente”.
A fim de garantir a eficiência do Porto, Dilma afirmou que na próxima quinta-feira (6) será divulgada uma legislação específica para portos, que vai definir um conjunto de investimentos de modernização, vindos do governo federal, de governos estaduais e da iniciativa privada. 
“Para fazer com que o Brasil tenha uma real dimensão para enfrentar essas décadas iniciais do século 21, um dos desafios esta em ter portos eficientes. Com eles vamos diminuir custos e melhor ganhos do nosso agronegócio, dos nossos produtos industriais e aumentar nossa competitividade, melhorando os níveis de vida da nossa população”.
Ela afirmou que o objetivo é que, até 2030, o Porto de Itaqui se torne um dos dez mais importantes do mundo. “Isso é muito bom para o Maranhão, mas é fundamental para o Brasil. Para um país continental como o nosso, dispor de um porto moderno e eficiente contribui para que lá no Centro-Oeste, no Sudeste e no Sul se expandam nossa fronteira agrícola e cria zona de desenvolvimento no Centro Norte, o que atrai melhoria de renda para a população”.
De acordo com Dilma, a localização estratégica do porto pode tornar custos da exportação mais competitivos. “Estamos próximos dos principais destinos e locais portuários internacionais. Por isso é importante que essa estrutura logística seja adequada e seus custos competitivos”.
O Porto de Itaqui tem seis atracadores, onde são recebidas cargas agrícolas, equipamentos e containeres. O novo Berço 100, voltado para navios de até 75 mil toneladas, será um dos pontos de exportação de soja para China, Japão e países europeus. Ele tem 320 metros de comprimento e 40 metros de largura e proporcionará um aumento de 5 milhões de toneladas por ano à capacidade de movimentação do porto.
O investimento total da obras foi de R$ 139,5 milhões, que integram as ações do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).
Depois da cerimônia, Dilma seguiu para o Palácio dos Leões, sede do governo do estado do Maranhão, onde participaria de uma solenidade de entrega de medalhas comemorativas pelos 400 anos de fundação de São Luís.
Link:

Nenhum comentário: