Frases para não se esquecer!

"O que ameaça a Democracia é a fome, é a miséria, é a doença dos que não tem recursos para enfrentá-la. Esses são os males que podem ameaçar a Democracia, mas nunca o povo na praça pública no uso dos seus direitos legítimos e democráticos.". - Presidente João Goulart, em 11/03/1964.

Joseph Pulitzer: "Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma."

"O sigilo não oferecerá nunca mais guarida ao desrespeito aos direitos humanos no Brasil"

(Presidenta Dilma Rousseff, ao sancionar a criação da Comissão da Verdade)

Emiliano Zapata: “Mais vale, homens do Sul, morrer de pé que viver de joelhos!”

sábado, 5 de janeiro de 2013

Objetivo central do chavismo é manter Maduro no poder até as eleições!

Objetivo central do chavismo é manter Maduro no poder até as eleições, diz analista venezuelano - do Opera Mundi

Para Luis Vicente Leon, nesse cenário, vice-presidente da Venezuela poderá ser beneficiado em uma eventual campanha

.
Diosdado Cabello, um dos principais líderes do chavismo, se reelegeu Presidente da Assembleia Nacional venezuelan.

O presidente do instituto de pesquisas venezuelano Datanálisis, Luis Vicente Leon, afirmou neste sábado (05/01) que o principal objetivo do chavismo é manter no poder o vice-presidente do país, Nicolás Maduro, até a realização de novas eleições.

De acordo com o especialista, há várias razões para que o governo venezuelano tente deixar Maduro no comando, sendo a principal delas a vantagem em uma eventual eleição.

“Uma das vantagens que tem um líder em [campanha pela] reeleição é estar no poder. E Maduro poderia aproveitar essa vantagem herdada”, afirmou Vicente Leon por meio de sua conta no Twitter, na qual analisou a entrevista concedida pelo vice-presidente venezuelano na noite desta sexta-feira.

O analista também abordou a discussão sobre as alternativas que a Constituição da Venezuela prevê caso Chávez não possa comparecer à cerimônia de posse, marcada para 10 de janeiro.

“O mais provável é que a revolução faça uma interpretação legal que mantenha Maduro na cabeça do governo. O protesto legal e político contra a suspensão do juramento [de Hugo Chávez] ocorrerá, mas seu impacto prático será mínimo”, argumentou.

Na noite desta sexta-feira, Maduro afirmou que, com base na Constituição, a posse de Chávez poderá ser adiada.


Link:

http://operamundi.uol.com.br/conteudo/noticias/26404/objetivo+central+do+chavismo+e+manter+maduro+no+poder+ate+eleicoes+diz+analista+venezuelano.shtml

Nenhum comentário: