Frases para não se esquecer!

"O que ameaça a Democracia é a fome, é a miséria, é a doença dos que não tem recursos para enfrentá-la. Esses são os males que podem ameaçar a Democracia, mas nunca o povo na praça pública no uso dos seus direitos legítimos e democráticos.". - Presidente João Goulart, em 11/03/1964.

Joseph Pulitzer: "Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma."

"O sigilo não oferecerá nunca mais guarida ao desrespeito aos direitos humanos no Brasil"

(Presidenta Dilma Rousseff, ao sancionar a criação da Comissão da Verdade)

Emiliano Zapata: “Mais vale, homens do Sul, morrer de pé que viver de joelhos!”

quinta-feira, 30 de maio de 2013

PIB acelera em direção à trajetória da Era Lula!



PIB acelera em direção à trajetória da Era Lula - por João Sicsú, da CartaCapital, 29/05/2013

Dados do IBGE


O PIB cresceu 1,9% no primeiro trimestre de 2013 em relação ao mesmo trimestre do ano passado. É o melhor resultado dos últimos seis trimestres. 
O que caracterizava o crescimento da Era Lula era o aumento consistente do consumo devido à elevação da massa salarial, expansão do crédito e baixas taxas de desemprego. 
A segunda e importante característica da Era Lula era que o investimento crescia entre duas e três vezes o crescimento do PIB. O primeiro trimestre de 2013 repete estes mesmos traços. 
O investimento cresceu 3% em relação ao primeiro trimestre de 2012 após quatro quedas consecutivas durante o ano passado. O consumo manteve sua trajetória ascendente impulsionado pelo aumento real de 3,2% da massa salarial no primeiro trimestre.
Apesar do bom resultado, uma pergunta permanece no ar. A indústria teve um desempenho decepcionante: a construção civil apresentou queda de 1,3% em relação ao mesmo trimestre do ano passado e a indústria de transformação caiu 0,7%. Ao mesmo tempo, a agropecuária cresceu 17%. 
Que tipo de economia o Brasil terá nas próximas décadas?
Link:
Meu Comentário!
Querer crescimento acelerado da economia brasileira, neste momento, é ilusão no momento em que a economia mundial enfrenta a sua pior crise desde a Grande Depressão dos anos 1930. 
Dani Rodrik já avisou: a era do crescimento rápido acabou (ver link abaixo). 
Vejam que até a China desacelerou fortemente nos últimos três anos. 
No 2o. trimestre de 2010, o PIB chinês cresceu 11,9% ao ano. Agora, cresce 7,8% (queda de quase 35%). E a China, seguida pela Índia, é a grande locomotiva da economia mundial e isso já acontece há um bom tempo. 
Neste contexto, mais importante do que crescer rapidamente, o Brasil precisa continuar crescendo, mesmo que pouco. Na situação atual, isso já é uma grande conquista. 
Obs: Texto do economista Dani Rodrik explica porque a era do crescimento rápido terminou para a economia mundial:

Nenhum comentário: