Frases para não se esquecer!

"O que ameaça a Democracia é a fome, é a miséria, é a doença dos que não tem recursos para enfrentá-la. Esses são os males que podem ameaçar a Democracia, mas nunca o povo na praça pública no uso dos seus direitos legítimos e democráticos.". - Presidente João Goulart, em 11/03/1964.

Joseph Pulitzer: "Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma."

"O sigilo não oferecerá nunca mais guarida ao desrespeito aos direitos humanos no Brasil"

(Presidenta Dilma Rousseff, ao sancionar a criação da Comissão da Verdade)

Emiliano Zapata: “Mais vale, homens do Sul, morrer de pé que viver de joelhos!”

sábado, 2 de novembro de 2013

BNDES vai financiar até 70% dos investimentos dos concessionários de Confins e do Galeão!

BNDES vai financiar até 70% dos investimentos dos concessionários de Confins e do Galeão


30/10/2013 - 19h03 - Alana Gandra - Repórter da Agência Brasil
Rio de Janeiro - O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) vai financiar até 70% dos investimentos de longo prazo dos futuros concessionários do Aeroporto Internacional Tancredo Neves (Confins) e do Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro/Galeão - Antonio Carlos Jobim. O leilão está previsto para o dia 22 de novembro próximo.
As condições para o financiamento de longo prazo foram anunciadas hoje (30) pelo BNDES, a fim de permitir que as empresas interessadas em participar da disputa elaborem suas propostas. Os vencedores do leilão também poderão solicitar ao BNDES empréstimo-ponte (financiamento com o objetivo de agilizar investimentos por meio da concessão de recursos no período de estruturação da operação de longo prazo).
De acordo com as condições financeiras estabelecidas, o financiamento a ser concedido terá prazo total de 240 meses para cada uma das unidades aeroportuárias. O custo financeiro será Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP), atualmente em 5% ao ano, ou cesta de moedas. A escolha ficará a critério da empresa.
Segundo a assessoria de imprensa do BNDES, no caso do empréstimo-ponte, o prazo será definido em função do tempo necessário para a estruturação da operação de financiamento de longo prazo, e estará limitado à data estimada pelo banco para entrada em operação comercial do projeto ou à data da primeira liberação de recursos do empréstimo de longo prazo.
A participação máxima do BNDES poderá ser ampliada mediante a subscrição de debêntures de infraestrutura, por sua subsidiária BNDES Participações (BNDESPar).
Edição: Juliana Andrade
Link;

Nenhum comentário: