Frases para não se esquecer!

"O que ameaça a Democracia é a fome, é a miséria, é a doença dos que não tem recursos para enfrentá-la. Esses são os males que podem ameaçar a Democracia, mas nunca o povo na praça pública no uso dos seus direitos legítimos e democráticos.". - Presidente João Goulart, em 11/03/1964.

Joseph Pulitzer: "Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma."

"O sigilo não oferecerá nunca mais guarida ao desrespeito aos direitos humanos no Brasil"

(Presidenta Dilma Rousseff, ao sancionar a criação da Comissão da Verdade)

Emiliano Zapata: “Mais vale, homens do Sul, morrer de pé que viver de joelhos!”

domingo, 22 de junho de 2014

A melhor Copa da história! - por Marcos Doniseti!

A melhor Copa da história! - por Marcos Doniseti!





Assisto a Copa do Mundo desde 1974 e nunca vi uma sequer que se aproximasse do nível técnico e emocional desta. 


Ótimos jogos, boa organização, estádios lotados, jogos emocionantes, seleções pouco cotadas surpreendendo (Costa Rica é o exemplo perfeito), torcidas animadas (menos a brasileira, que parece que vai aos jogos para tirar fotos, filmar e postar nas redes sociais posteriormente) e o Brasil sendo literalmente invadido por turistas do mundo inteiro, principalmente da América Latina, com argentinos, colombianos, equatorianos, chilenos, uruguaios e mexicanos lotando as arenas da Copa.

Quanto aos próximos jogos e aos possíveis classificados, penso o seguinte:

1) Na partida decisiva entre Uruguai e Itália, torcerei para o Uruguai. 


Entendo que os uruguaios derrotarão a seleção da Bota com a sua garra, paixão, e, também, com a ajuda do calor de Natal (o jogo será as 13hs). E enquanto o Uruguai vem de uma vitória heróica contra a Inglaterra, a Itália vem de um jogo ruim e de uma derrota humilhante para a boa seleção da Costa Rica, mas que não tem maior tradição nas Copas e no futebol mundial (mas que venceu os seus dois jogos de forma mais do que justa e merecida).

Aliás, os costariquenhos tem tudo para derrotar a Inglaterra, já eliminada e que joga futebol como se estivesse jogando Golfe, sem marcação forte e deixando o adversário fazer o quiser dentro de campo. Os ingleses parecem aristocratas que inventaram o Futebol mas que, depois, passaram a agir na base do 'Isso virou um esporte de pobretões. Deixa pra lá...'.

2) Depois da Espanha e da Inglaterra, Brasil e Argentina são os dois campeões mundiais que mais decepcionaram, até o momento, nesta Copa.

A Seleção Brasileira está visivelmente com os nervos à flor da pele. E isso aconteceu nos dois jogos que fez, contra a Croácia e o México. A bola parece uma batata quente nos pés dos jogadores, que procuram se livrar dela o quanto antes. Daí, o time não tem construção de jogada (a França deu show nisso contra a Suíça).

Ou o Brasil controla os nervos ou não irá a lugar nenhum. 


Outro problema é que Felipão errou feio na convocação e não temos nenhum jogador de criação no meio-de-campo. Temos apenas jogadores que pegam a bola e saem correndo com ela, sem saber muito o que fazer com a mesma (com as exceções de Oscar e Neymar).

Mas falta aquele jogador cerebral, organizador das jogadas, como é o Pirlo, por exemplo. Ele é o maestro da Azzurra e todas as jogadas do ataque italiano passam por ele. A Seleção Brasileira não tem esse jogador.

Felipão tinha opções para exercer essa função, sim, mas não convocou nenhum deles. O Phelipe Coutinho fez um EXCELENTE campeonato inglês e virou ídolo da torcida do Liverpool. O ótimo, mas já veterano, Gerrard virou segundo volante por causa disso. Ele percebeu que Coutinho estava arrebentando e jogando muito melhor do que ele como meia de criação.

Eu assisti a quase todos os jogos do Liverpool com o Phelipe Coutinho nesta temporada (2013-2014). Ele é melhor do que qualquer jogador de meio-de-campo que o Felipão convocou, que errou feio em não convocá-lo. 


Agora, não temos criação no meio-de-campo, o que sobrecarrega Neymar e Oscar, que jogam em velocidade e não tem o perfil cerebral do Coutinho. Outra possibilidade teria sido convocar o Jadson, que jogou na Copa das Confederações, ou até o também veterano Alex (do Coritiba) e que é um ótimo jogador. Mas Felipão não convocou nenhum deles e agora o Brasil sofre com a total falta de criatividade do seu meio-de-campo, que está abarrotado de volantes.

Felipão também está errando feio no esquema tático da Seleção. 


Ele colocou o Oscar para jogar como ponta (esquerda e direita) contra o México. Ele nunca jogou assim na vida. Ele é meio-campista. Felipão parece que é fraco, mesmo, no aspecto tático. Parreira entende do assunto. Espero que conserte as falhas grosseiras do Felipão. Felipão é bom para unir grupo e estimular o mesmo. Mas isso o Dunga também sabe fazer. No aspecto tático, ele é ruim.

3) Brasil e Argentina estão muito mal. Terão que melhorar muito se quiserem algo.

E a Argentina está pior que o Brasil. Pegou o grupo mais fraco da Copa e não fez nada. O Brasil enfrentou dois adversários muito melhores e mais difíceis, Croácia e México. Já a Argentina precisou da ajuda do árbitro para ganhar do Irã. É piada.

Ambas as seleções estão jogando na base do 'segura tudo lá atrás e reza para Messi e Neymar resolver lá na frente'. Em um jogo ou outro isso pode até funcionar.

Quando enfrentarem seleções mais fortes, isso será muito pouco. Se continuarem assim, nenhuma das duas seleções irá muito longe nesta Copa. Mas penso que ambas tem totais condições de melhorar.

Todas as seleções tem falhas nesta Copa, mas as melhores e mais fortes são Alemanha, Holanda e França. E Argentina e Brasil não vão longe jogando esse futebolzinho meia-boca, não.

Chile, Colômbia e Costa Rica chegam com bons times, bem organizados e aplicados. Mas a partir das 8as. de final terão que mostrar se tem condições de ir longe.

Uma coisa é a primeira fase da Copa, mas outra, bem diferente, é quando começam as 8as. de final, passamos a ter apenas jogos eliminatórios e onde apenas um único erro pode ser fatal. Nesta hora, a experiência e o controle emocional dos jogadores faz muita diferença.

Pelo que foi mostrado até o momento, penso que Alemanha, França e Holanda são as maiores favoritas. Colômbia, Chile, Costa Rica e Gana tem boas seleções e caso todas se classifiquem serão difíceis de serem derrotadas. Destas, Gana é a que está em situação mais crítica, pois não depende apenas de si para classficar e precisa torcer por derrotas dos EUA contra Portugal e Alemanha, bem como necessita derrotar os portugueses na última rodada da primeira fase.

Croácia e México tem ótimos times e deverão fazer um jogo muito equilibrado, decidindo quem ficará com a segunda vaga do Grupo A, pois o Brasil não terá muitas dificuldades em ganhar da fraca, violenta e eliminada seleção de Camarões, que é, com certeza, o pior time da Copa até o momento.

A Holanda deverá ficar com o primeiro lugar do Grupo B, pois tem uma equipe forte e conta com a vantagem do empate na partida contra o Chile. Este jogou contra uma Espanha já derrotada e demoralizada e teve a sorte de enfrentar a Austrália na primeira partida, quando os bons, jovens e inexperientes Socceroos estrearam desatentos e nervosos, melhorando apenas no final do primeiro tempo, quando já estava 2 X 0 para os chilenos. E no segundo tempo os australianos, mais calmos, chegaram a criar chances suficientes para conseguir o empate com o Chile. E depois fizeram uma ótima partida contra a poderosa Holanda. Se estivessem em um grupo mais fraco, os australianos teriam conseguido a classificação, sem dúvida alguma.

A boa seleção da Colômbia deverá ficar em primeiro lugar no Grupo C e a Costa do Marfim deverá ficar com a segunda vaga. Se Falcão Garcia estivesse jogando a Copa, os colombianos poderiam chegar muito longe na competição.

No Grupo D o Uruguai deverá derrotar a Itália e a Costa Rica, já classifcada, tem tudo para derrotar os eliminados ingleses e, assim, confirmar a primeira colocação do Grupo, o que será uma das maiores surpresas da história das Copas do Mundo.

No Grupo E, a ótima França (que tem um jogo coletivo muito forte, combinado com excelentes valores individuais, como são casos do artilheiro Benzema, Pogba e Balbuena) deverá confirmar a primeira colocação, com a Suíca ficando com a segunda vaga, pois jogará com a fraca, violenta e já eliminada seleção de Honduras.

No Grupo F, a Argentina já está classificada, mesmo jogando muito mal contra as fracas seleções da Bósnia e do Irã (que foi prejudicado pelo árbitro, que não marcou um pênalti legítmo contra os hermanos quando a partida estava 0 X 0). A sorte dos hermanos é que estão no grupo mais fraco da Copa do Mundo. Se estivessem, por exemplo, no lugar da Espanha, no Grupo B, a Argentina seria eliminada já na primeira fase.

No Grupo G, aposto na classificação da Alemanha, em primeiro lugar, e dos EUA em segundo. Gana tem uma boa seleção, mas a surpreendente derrota para os ianques na primeira rodada e o empate com a Alemanha, dificultaram muito a sua situação. Agora, os ganenses dependem dos resultados de outras partidas para conseguir a classificação. Bélgica e Rússia deverão se classificar, pois os adversários Argélia e Coréia do Sul são limitados. Mas se os russos se descuidarem, poderão vir a ser surpreendidos, sim. Afinal, eles já empataram com a limitada seleção coreana na primeira rodada. Mas ainda aposto que os conterrâneos de Putin passarão para as 8as. de final.

Então, deveremos ter os seguintes classificados:

Brasil/México;
Holanda/Chile;
Colômbia/Costa do Marfim;
Costa Rica/Uruguai;
França/Suíça;
Argentina/Nigéria;
Alemanha/EUA;
Bélgica/Rússia.

É isso.

Nenhum comentário: