Frases para não se esquecer!

"O que ameaça a Democracia é a fome, é a miséria, é a doença dos que não tem recursos para enfrentá-la. Esses são os males que podem ameaçar a Democracia, mas nunca o povo na praça pública no uso dos seus direitos legítimos e democráticos.". - Presidente João Goulart, em 11/03/1964.

Joseph Pulitzer: "Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma."

"O sigilo não oferecerá nunca mais guarida ao desrespeito aos direitos humanos no Brasil"

(Presidenta Dilma Rousseff, ao sancionar a criação da Comissão da Verdade)

Emiliano Zapata: “Mais vale, homens do Sul, morrer de pé que viver de joelhos!”

quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Aécio: Tarifas públicas estão com preços represados e precisam ser reajustadas! - Marcos Doniseti!

Aécio: Tarifas públicas estão com preços represados e precisam ser reajustadas! - Marcos Doniseti!

Nos tempos do governo de FHC-PSDB-Aécio era assim: O FMI exigiam mais 'aperto' e o povo pagava a conta com salários menores, impostos maiores, juros escorchantes, desemprego gigantesco, pobreza e miséria em grande escala. Você quer isso de volta? 

O plano de governo de Aécio diz que os preços das tarifas de energia, combustíveis e telefone estão represados, o que ele mesmo já confirmou em entrevistas (ver link abaixo). 

O que significa isso? 

Significa que se ele for eleito, tais preços serão reajustados de forma brutal, apenas em benefício dos especuladores que possuem ações destas empresas (ex: Petrobras), e que na sua maioria são estrangeiros e que não ligam a mínima para o Brasil e o seu povo, querendo apenas sugar as riquezas do país e levá-las embora, para seus países de origem. 

Desta maneira, os preços de tudo irão subir no Brasil, pois tais reajustes representarão um brutal aumento de custos para as empresas e para os consumidores. 

Cito alguns exemplos: 

A) Tarifas de Transporte Coletivo: Com o reajuste dos combustíveis, todas as tarifas de ônibus serão reajustadas, no país, pois o óleo diesel ficará muito mais caro, o que irá levar a um forte aumento de custos para as empresas que atuam no setor de transporte coletivo. Com isso, os brasileiros terão que trabalhar mais tempo para usufruir do mesmo ou reduzir o seu uso, passando a andar a pé, por exemplo.

B) Passagens Aéreas: Os preços das passagens aéreas também serão reajustados, pois o combustível dos aviões também ficará mais caro. E como ele representa 42% do preço das passagens aéreas no Brasil, será impossível represar os preços das passagens, que também sofrerão um forte reajuste.

C) Fretes de Carga: Com o reajuste do preço do óleo diesel, os preços dos fretes de carga também serão violentamente reajustados, pois os custos das empresas de transporte do setor também irão subir bastante. Afinal, o óleo diesel representa 50% do custo do transporte de carga e sempre que ele é reajustado, o mesmo acontece com o valor do frete. 

Oras, o discurso e o plano de governo de Aécio são bem claros e dizem que tais preços estão sendo 'represados' pelo governo Dilma e que isso irá mudar caso ele seja eleito.

Traduzindo: Reajustes muito maiores para as tarifas de combustíveis, telefone, energia, etc, e custos e gastos maiores para empresas e trabalhadores, sem exceção.

Notícia de Outubro de 2001, em pleno governo FHC-PSDB-Aécio, mostra que a pobreza era tanta que a população tinha que devolver as linhas telefônicas que comprava pois não conseguia sequer pagar a conta do mês. Você quer isso de volta? 

Tal medida irá provocar, portanto, várias consequências negativas sobre a economia e a sociedade brasileiras, tais como, arrocho salarial, aumento de inflação, elevação dos preços de inúmeros produtos e serviços, recessão, crescimento do desemprego, da pobreza e da miséria. 

E com o crescimento da inflação provocado por tal medida, o governo Aecio irá elevar consideravelmente a taxa de juros (Selic) dizendo que isso será necessário para reduzir a mesma inflação que o seu governo irá provocar. E isso irá aprofundar ainda mais a recessão, elevar ainda mais o desemprego e arrochar mais ainda aos salários dos trabalhadores.

Até porque o plano de governo de Aécio diz que é necessário trazer a inflação para o centro da meta (de 4,5%) e, depois, reduzí-la ainda mais, para o patamar de 3% ao ano, o que exigirá medidas fortemente recessivas para que o mesmo seja alcançado, o que irá resultar no desemprego de muitos milhões de trabalhadores. 

E quem irá lucrar com esse 'desrepresamento' das tarifas públicas? 

São os acionistas particulares da Petrobras, sendo que muitos deles são estrangeiros, pois FHC vendeu 36% das ações da empresa na Bolsa de Valores de Nova York no ano 2000 (e é claro que a venda foi feita a preço de banana), os donos das empresas de telefonia (quase todas são estrangeiras: a TIM é italiana, a Telefonica é espanhola, etc) e de energia, setor no qual a empresa do capital estrangeiro também é considerável (A AES Eletropaulo, por exemplo, pertence à AES Energy dos EUA). 

Assim, esse é o verdadeiro projeto político do PSDB-FHC-Aécio, ou seja, transferir riqueza do povo brasileiro para os especuladores estrangeiros e fazer do Brasil uma mera neocolônia dos EUA e dos países ricos, fazendo o povo brasileiro trabalhar feito 'burro de carga’ para enriquecê-los, enquanto fica desempregado e morre de fome. 

Então, questiono: É isso que você quer para o Brasil e para você? 

PSDB Nunca Mais! 

É Dilma 13!


Links:

Aecio diz que que preços de tarifas públicas estão Represados e que exageros do seguro-desemprego serão corrigidos:


Combustível representa 42% do preço das passagens aéreas:


Armínio Fraga, futuro ministro da Fazenda, diz que o Salário Mínimo está muito alto:


Óleo diesel representa 50% do custo do frete de carga:


Programa de Aécio promete reduzir meta de inflação para 3% ao ano:

Nenhum comentário: