Frases para não se esquecer!

"O que ameaça a Democracia é a fome, é a miséria, é a doença dos que não tem recursos para enfrentá-la. Esses são os males que podem ameaçar a Democracia, mas nunca o povo na praça pública no uso dos seus direitos legítimos e democráticos.". - Presidente João Goulart, em 11/03/1964.

Joseph Pulitzer: "Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma."

"O sigilo não oferecerá nunca mais guarida ao desrespeito aos direitos humanos no Brasil"

(Presidenta Dilma Rousseff, ao sancionar a criação da Comissão da Verdade)

Emiliano Zapata: “Mais vale, homens do Sul, morrer de pé que viver de joelhos!”

segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Elite masculina, de alta renda e de maior idade era a imensa maioria na Avenida Paulista! É o 'Golpe dos Ricos' contra Dilma! - Marcos Doniseti!

Elite masculina, de alta renda e de maior idade era a imensa maioria na Avenida Paulista! É o 'Golpe dos Ricos' contra Dilma! - Marcos Doniseti! 

Protestos de 16 de Agosto fracassam, novamente, em atrair os trabalhadores assalariados e de menor renda para as manifestações que pedem o Impeachment de Dilma e que também defendem um Golpe de Estado (via intervenção militar) para derrubar o seu governo. 
Discurso anticomunista e que exige intervenção militar contra o Governo Dilma marcaram as manifestações deste 16 de Agosto, tal como já havia acontecido nos protestos realizados no início deste ano.

Vejam o perfil dos manifestantes que apareceram no protesto na Avenida Paulista neste Domingo, segundo o Datafolha:

1) 70% tem mais de 36 anos de idade (30% tinham de 36 a 50 anos e 40% tinham mais de 50 anos);

2) Aqueles que possuíam até 25% anos de idade eram apenas 11% do total dos manifestantes;

3) 61% eram de sexo masculino (sendo que a maioria absoluta da população brasileira é de mulheres);

4) 76% possuía ensino superior (a maioria absoluta dos brasileiros estudou apenas até o ensino médio e muitos ainda não passaram do ensino fundamental);

5) 14,39% ganham até 3 salários mínimos mensais (R$ 2.364); cerca de 79% dos brasileiros ganha até 3 salários mínimos mensais;

5) 44,44% ganham mais de 10 salários mínimos mensais (R$ 7.880); apenas cerca de 3,2% dos brasileiros ganha mais de 10 salários mínimos mensais.

Estes dois últimos dados reforçam ainda mais o perfil elitista dos manifestantes (que já fica nítido quando ficamos sabendo que 76% deles possuíam curso superior, um índice muito maior do que o da população total do país) pois apenas 3,2% dos brasileiros recebem mais de 10 salários mínimos mensais e 79% recebem até 3 salários mínimos mensais. 

Isso comprova que aqueles que protestam contra Lula, Dilma e o PT são os mais ricos, que desfrutam de melhores condições de vida, ou seja, são a elite bem nascida e bem nutrida, não sendo portanto representativos da maioria da população do país.

É claro que, num país de 202 milhões de habitantes temos pessoas que fogem à regra (são de baixa renda, não tem curso superior) e que participam destes protestos, mas eles são a exceção entre os manifestantes que desejam derrubar Dilma, constituindo uma pequena minoria entre os mesmos. 

O que temos, no Brasil, atualmente, portanto, é uma tentativa de Golpe de Estado contra Dilma e que é promovida pelos mais ricos. 

Simples assim. 

Link:

Datafolha - Manifestantes contra Dilma tem perfil elitista:
 
http://www1.folha.uol.com.br/poder/2015/08/1669516-maioria-dos-manifestantes-na-paulista-rejeitam-renan-e-temer-diz-datafolha.shtml

2 comentários:

xpanssAMD disse...

Ser contra a corrupção no Brasil é o mesmo que ser a favor da água potável ou contra a pedofilia.Eu sou favor da água potável e rejeito qualquer prática sexual contra crianças ,você também é ,e acredito que os participantes do blog também o sejam...ou não...?

Marcos Doniseti disse...

Não conheço ninguém que seja a favor da corrupção. Apenas que não tolero indignação seletiva e hipocrisia. Fazer protestos contra a corrupção e se aliar a corruptos para derrubar Dilma é inaceitável. Simples assim.