Frases para não se esquecer!

"O que ameaça a Democracia é a fome, é a miséria, é a doença dos que não tem recursos para enfrentá-la. Esses são os males que podem ameaçar a Democracia, mas nunca o povo na praça pública no uso dos seus direitos legítimos e democráticos.". - Presidente João Goulart, em 11/03/1964.

Joseph Pulitzer: "Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma."

"O sigilo não oferecerá nunca mais guarida ao desrespeito aos direitos humanos no Brasil"

(Presidenta Dilma Rousseff, ao sancionar a criação da Comissão da Verdade)

Emiliano Zapata: “Mais vale, homens do Sul, morrer de pé que viver de joelhos!”

domingo, 27 de setembro de 2015

Marco Aurélio Mello faz críticas à Operação Lava Jato e diz que papel do STF é garantir direitos e garantias dos cidadãos! - Marcos Doniseti!

Marco Aurélio Mello faz críticas à Operação Lava Jato e diz que papel do STF é garantir direitos e garantias dos cidadãos! - Marcos Doniseti!
Ministro Marco Aurélio Mello, do STF, diz que proibição de financimanto privado de campanhas eleitorais foi adotado por que o mesmo distorcia a representação popular no sistema político e gerava corrupção. 
Em entrevista concedida à Rede Brasil Atual, o ministro do STF Marco Aurélio Mello critica a generalização das prisões preventivas, que segundo ele estão sendo usadas como uma maneira de 'fragilizar os presos', bem como o número exagerado de delações premiadas no âmbito da Operação Lava Jato. 

Ele deixa claro que isso é ruim e que é necessário se preservar princípios e garantias constitucionais, dizendo que é exatamente este o papel do STF, incluindo também a preservação do Estado Laico.

Bem, se a maioria dos ministros do STF pensar igual ao ministro Marco Aurélio (o que é muito provável), então muitas das ações dos procuradores e do juiz Sérgio que atuam na operação Lava Jato poderão vir a ser questionadas e até derrubadas no STF.

Entendo que é muito provável que o STF venha a separar o joio do trigo no caso da Operação Lava Jato, considerando inválidas muitas das delações, devido ao fato delas terem sido obtidas por meio da FRAGILIZAÇÃO dos presos. 

Em outras épocas, tal expressão (fragilização dos presos) poderia ser encarada como um tipo de TORTURA. E agora? 

Algo me diz que as inúmeras ilegalidades da Lava Jato irão invalidar grande parte das descobertas da operação, anulando inúmeras provas, o que resultará na absolvição de muitos dos acusados. 

Marcos Aurélio também deixa claro que o Impeachment de um (a) Presidente (a) da República é a exceção e não a regra. Esta diz que quem ganhou a eleição deve governar até concluir o seu mandato. Além disso, um Impeachment deve se basear em FATOS CONCRETOS. 

Marco Aurélio também deixa claro que a postura crítica de Gilmar Mendes ao PT e ao governo não tem respaldo da maioria dos ministros do STF e que isso não é bom para ninguém, nem para o próprio Gilmar Mendes, ao qual considera que possui uma bagagem jurídica constitucional invejável.

Bem, entendo que Marco Aurélio enviou vários petardos, bem diretos e objetivos, deixando bem claro que muitos dos abusos que estão sendo cometidos no país ultimamente não serão tolerados no STF que, hoje, tem claramente uma maioria de ministros Constitucionalistas, ou seja, que entendem que o principal aspecto da instituição é garantir o respeito aos direitos e garantias dos cidadãos brasileiros. 

Que assim seja. 

Link:

http://www.redebrasilatual.com.br/politica/2015/09/marco-aurelio-diz-que-generalizacao-das-prisoes-preventivas-causa-perplexidade

Nenhum comentário: