Frases para não se esquecer!

"O que ameaça a Democracia é a fome, é a miséria, é a doença dos que não tem recursos para enfrentá-la. Esses são os males que podem ameaçar a Democracia, mas nunca o povo na praça pública no uso dos seus direitos legítimos e democráticos.". - Presidente João Goulart, em 11/03/1964.

Joseph Pulitzer: "Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma."

"O sigilo não oferecerá nunca mais guarida ao desrespeito aos direitos humanos no Brasil"

(Presidenta Dilma Rousseff, ao sancionar a criação da Comissão da Verdade)

Emiliano Zapata: “Mais vale, homens do Sul, morrer de pé que viver de joelhos!”

sábado, 27 de agosto de 2016

Governo Temer: Aprovação da PEC 241 inviabilizará a justiça social no Brasil! - Marcos Doniseti!

Governo Temer: Aprovação da PEC 241 inviabilizará a justiça social no Brasil! - Marcos Doniseti!
Com a aprovação da PEC 241, o Governo Temer pretende congelar os investimentos públicos por 20 anos. Com isso, a saúde pública não terá como melhorar a qualidade dos seus serviços, que serão fortemente pressionados pelo envelhecimento da população. E os outros setores (educação, segurança, transporte coletivo, saneamento básico, moradia) também serão fortemente prejudicados por tal medida, que pretende cortar os investimentos sociais para poder pagar a dívida pública, enriquecendo ainda mais o sistema financeiro.
Com a aprovação da PEC 241, os brasileiros podem dizer adeus à qualquer possibilidade de vir a desfrutar de serviços públicos de qualidade (de saúde e educação, principalmente) e de construir uma sociedade com um mínimo de justiça social.

A PEC 241 determina o seguinte:

1) Limita os gastos públicos em todas as esferas a um teto corrigido pela inflação do ano anterior. Tal medida irá vigorar por 20 anos;

2) Quebra as vinculações orçamentárias constitucionais para setores como educação e seguridade social (saúde, previdência social e assistência social).

As principais consequências disso serão:

1) Nenhum governo (federal, estadual, municipal) poderá aumentar os investimentos na área social. Os gastos poderão ser reajustados apenas com base na inflação do ano anterior. Aumentos reais serão proibidos; 

2) Os governos (federal, estaduais e municipais) estarão liberados para fazer exatamente o contrário, ou seja, eles poderão REDUZIR os gastos sociais, pois não existirão mais as vinculações orçamentárias determinadas pela Constituição que obrigam a realizar um patamar mínimo de investimento em saúde, educação, previdência e assistência social.

Tais medidas irão vigorar num momento em que teremos um rápido processo de envelhecimento da população.

E como os idosos necessitam muito mais de serviços de saúde do que os mais jovens, o resultado de tal medida será uma pressão imensa sobre o sistema público de saúde, que estará engessado, sem poder elevar os investimentos. 

A queda de qualidade dos serviços públicos de saúde será brutal.
O Salário Mínimo teve um grande aumento do poder de compra durante os governos Lula e Dilma (de 91% entre 2003-2016). Agora, com a nova política de arrocho neoliberal promovida pelo governo Temer/PMDB/PSDB, a política de valorização do mesmo será encerrada e seu valor ficará congelado, em termos reais, por 20 anos. 
Para continuar oferecendo tais serviços (saúde, educação, previdência e assistência social), a solução será a promoção da privatização dos serviços.

Afinal, como o sistema público estará proibido de atender ao aumento da demanda pelos seus serviços, quem quiser ter acesso aos mesmos terá que recorrer ao setor privado, que lucrará imensamente com isso. 

Assim, a população em geral terá que pagar (e caro) para as empresas privadas (bancos, seguradoras, empresas de segurança, escolas privadas) para ter acesso a educação, saúde, habitação, serviços de limpeza, segurança, previdência e assistência social, entre outros. 

E aí, gostaram?

Obs: Quer desfrutar de serviços públicos e gratuitos de saúde e educação e de um mínimo de Justiça Social??? Vai Pra Cuba! 

Link:

Roberto Requião explica quais serão as consequências da aprovação da PEC 241:

http://www.revistaforum.com.br/2016/08/21/temer-pec-241/

PEC 241 vai provocar disputa por orçamento e conflitos:

http://www.redebrasilatual.com.br/politica/2016/08/haddad-diz-que-pec-241-vai-provocar-disputa-por-orcamento-e-conflitos-9683.html

Temer adota política econômica recessiva:

http://www.redebrasilatual.com.br/economia/2016/08/temer-mostra-que-sua-agenda-economica-passa-longe-de-emprego-e-renda-5527.html

Theresa May, nova Primeira-Ministra do Reino Unido, joga o Neoliberalismo na lata de lixo!

http://guerrilheirodoentardecer.blogspot.com.br/2016/08/theresa-may-nova-primeira-ministra-do.html

De que maneira o Brasil poderia superar a atual crise econômica:

http://guerrilheirodoentardecer.blogspot.com.br/2016/08/de-que-maneira-o-brasil-poderia-superar.html

Donald Trump e a crise terminal do Neoliberalismo:

http://guerrilheirodoentardecer.blogspot.com/2016/07/sera-que-donald-trump-ira-enterrar.html

Quem tirou o Reino Unido da União Europeia foram os trabalhadores, os pobres e os idosos:

http://guerrilheirodoentardecer.blogspot.com.br/2016/06/quem-tirou-o-reino-unido-da-uniao.html

Itália: 'Movimento 5 Estrelas' vence eleições municipais com discurso anti-neoliberal: 

http://guerrilheirodoentardecer.blogspot.com.br/2016/06/italia-m5s-partido-com-propostas-anti.html

Michael Moore: Porque Donald Trump será o próximo Presidente dos EUA:

http://www.vermelho.org.br/noticia/284282-9

Nenhum comentário: