Frases para não se esquecer!

"O que ameaça a Democracia é a fome, é a miséria, é a doença dos que não tem recursos para enfrentá-la. Esses são os males que podem ameaçar a Democracia, mas nunca o povo na praça pública no uso dos seus direitos legítimos e democráticos.". - Presidente João Goulart, em 11/03/1964.

Joseph Pulitzer: "Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma."

"O sigilo não oferecerá nunca mais guarida ao desrespeito aos direitos humanos no Brasil"

(Presidenta Dilma Rousseff, ao sancionar a criação da Comissão da Verdade)

Emiliano Zapata: “Mais vale, homens do Sul, morrer de pé que viver de joelhos!”

quarta-feira, 11 de julho de 2012

Estudantes chilenos querem que recursos do cobre financie educação

Estudantes chilenos querem que o cobre financie educação - do Vermelho

Através da Confederação de Estudantes do Chile (Confech), alunos das diversas universidades do Chile solicitaram ao governo renacionalizar o cobre com o argumento de que as casas de estudo recebam investimento do dinheiro percebido e, por sua vez, possam recuperar a qualidade que perderam.


O presidente da Federação de Estudantes da Universidade do Chile, Gabriel Boric, assegurou que entregarão um ofício à Corporação Nacional de Cobre (Codelco) e ao Ministério da Mineração conjuntamente com trabalhadores do setor. "É um documento de caráter político e técnico que pretende justificar por que estamos demandando a renacionalização de nossos recursos”.

Boric apontou que os atos se realizarão no marco do 41° aniversário da nacionalização da Grande Mineração do Cobre, que ocorreu no Governo de Salvador Allende.

Ao mesmo tempo, o líder estudantil expressou "vemos como hoje em dia um grupo de empresários e de firmas internacionais estão levando estes recursos que são de todos os chilenos sem que o Estado se encarregue deste roubo histórico”.

Os universitários apoiam as ações tomadas pela Confederação de Trabalhadores do Cobre (CTC) e outras organizações sindicais a respeito da petição de voltar a estatizar um dos principais patrimônios do país.

O presidente da CTC, Cristian Cuevas, disse que a renacionalização dos recursos do país, como o cobre e a água, deve se dar para poder financiar a educação e outros benefícios sociais.

O Chile possui 50% das reservas de cobre de todo o mundo.

Fonte: Adital


Link:

 http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_noticia=188190&id_secao=7

Nenhum comentário: