Frases para não se esquecer!

"O que ameaça a Democracia é a fome, é a miséria, é a doença dos que não tem recursos para enfrentá-la. Esses são os males que podem ameaçar a Democracia, mas nunca o povo na praça pública no uso dos seus direitos legítimos e democráticos.". - Presidente João Goulart, em 11/03/1964.

Joseph Pulitzer: "Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma."

"O sigilo não oferecerá nunca mais guarida ao desrespeito aos direitos humanos no Brasil"

(Presidenta Dilma Rousseff, ao sancionar a criação da Comissão da Verdade)

Emiliano Zapata: “Mais vale, homens do Sul, morrer de pé que viver de joelhos!”

sábado, 21 de julho de 2012

Rússia acusa EUA de esconder apoio a grupos armados na Síria!

Rússia denuncia ocultação de grupos armados na Síria - do Vermelho

O chefe do comitê de relações internacionais da Câmara dos Deputados da Rússia, Alexander Pushkov, denunciou nesta sexta-feira (20) a falsa diplomacia do ocidente para incentivar ações de grupos armados.

Puskkov destacou que o veto da Rússia e China para uma resolução sobre a Síria, apresentada pelo Reino Unido no Conselho de Segurança da ONU, demostra a posição de Moscou em buscar uma saída política para a situação daquele país. Também indica que o Ocidente realiza um "mascaramento" diplomático para permitir uma nova escalada de tensão na Síria.

“Amigos da Síria”

o deputado afirmou que a reação do Ocidente ao veto da Rússia e China deixa clara sua posição de duplo padrão a respeito de uma solução para a crise Síria.

Ele também alertou que o grupo “Amigos da Síria”, dirigido pelos Estados Unidos, assume uma posição de dupla moral e na realidade apoia as formações armadas sírias.

Comentou que ao discutir-se a recente declaração de Genebra, o Ocidente simulou entender a necessidade de uma solução política e que chamava todos para o diálogo, mas na verdade dava sinais paralelos aos grupos armados sírios de que todos esses acordos não se realizariam.

“Não se trata de um diálogo político real, mas de uma ocultação diplomática dos grupos armados”, denunciou.  O deputado russo advertiu que na verdade, os “Amigos da Síria” querem uma solução bélica da crise, o que leva ao reforço do conflito e ao perigo de um aumento do terrorismo na região.

Fonte: Prensa Latina 


Link:

http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_noticia=189026&id_secao=9

Nenhum comentário: