Frases para não se esquecer!

"O que ameaça a Democracia é a fome, é a miséria, é a doença dos que não tem recursos para enfrentá-la. Esses são os males que podem ameaçar a Democracia, mas nunca o povo na praça pública no uso dos seus direitos legítimos e democráticos.". - Presidente João Goulart, em 11/03/1964.

Joseph Pulitzer: "Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma."

"O sigilo não oferecerá nunca mais guarida ao desrespeito aos direitos humanos no Brasil"

(Presidenta Dilma Rousseff, ao sancionar a criação da Comissão da Verdade)

Emiliano Zapata: “Mais vale, homens do Sul, morrer de pé que viver de joelhos!”

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Pesquisa mostra Chávez com 18 pontos de vantagem!


Pesquisa mostra Chávez com 18 pontos de vantagem - do Vermelho


Restando um mês e meio para a eleição presidencial de 7 de outubro na Venezuela, o presidente Hugo Chávez tem 18 pontos de vantagem em relação ao principal candidato de oposição, Henrique Capriles, segundo enquete divulgada nesta quinta-feira (18) pela empresa Hinterlaces.


O presidente da Hinterlaces, Oscar Schemel, disse que, se as eleições fossem no próximo domingo, 48% dos eleitores apoiariam Chávez e, 30%, Capriles, enquanto 4% não apoiariam nenhum dos dois e 18% não responderam. Cerca de 88% dos entrevistados disseram estar seguros de seus votos.

"Hoje o quadro nos mostra que o presidente tem a primeira opção", informou Schemel em entrevista coletiva, ao apresentar o estudo, realizado entre 28 de julho e 5 de agosto, com 1.500 entrevistas efetuadas através de enquetes diretas e ligações telefônicas, com margem de erro de 2,7%.

Schemel explicou que o grupo dos que não responderam é formado por um "componente abstencionista muito significativo" e o restante se divide entre as duas opções. "Vemos um comportamento eleitoral muito estável, praticamente não houve movimentos significativos nos últimos meses, e os dois comandos de campanha deveriam prestar atenção nisso", acrescentou.

Em sua opinião, Capriles não sobe nas pesquisas porque "há problemas no discurso". O diretor da Hinterlaces destacou que a aceitação do presidente venezuelano se situa em torno de 67%, entre os que classificam seu desempenho como "muito bom", "bom" e "regular a bom", frente aos 31% que o classificam como "regular a ruim", "ruim" e "muito ruim". 

Schemel afirmou que independentemente de se manifestarem a favor de um ou de outro candidato, 61% dos entrevistados acreditam que Chávez ganhará em outubro, enquanto apenas 25% confiam na vitória de Capriles.

A eleição será realizada em turno único, e o próximo presidente governará o país por seis anos.

Com Efe


Link:
http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_noticia=191495&id_secao=7

Nenhum comentário: