Frases para não se esquecer!

"O que ameaça a Democracia é a fome, é a miséria, é a doença dos que não tem recursos para enfrentá-la. Esses são os males que podem ameaçar a Democracia, mas nunca o povo na praça pública no uso dos seus direitos legítimos e democráticos.". - Presidente João Goulart, em 11/03/1964.

Joseph Pulitzer: "Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma."

"O sigilo não oferecerá nunca mais guarida ao desrespeito aos direitos humanos no Brasil"

(Presidenta Dilma Rousseff, ao sancionar a criação da Comissão da Verdade)

Emiliano Zapata: “Mais vale, homens do Sul, morrer de pé que viver de joelhos!”

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Site falso de Haddad foi criado por campanha de Serra!

Site falso de Haddad foi criado por campanha de Serra! - da CartaCapital



Uma empresa contratada pela campanha de José Serra (PSDB) à prefeitura de São Paulo criou um site falso de Fernando Haddad (PT), segundo reportagem do Estadão.
O site, chamado “Propostas Haddad 13”, imitava a linguagem da campanha de Haddad e teve que ser retirado do ar a pedido da Justiça Eleitoral na última sexta-feira 19. A página apócrifa atribuía a Haddad propostas falsas, como construir cinquenta escolas de lata e aumentar o IPTU na cidade.
Segundo informações do provedor de internet GVT, o site foi criado na sede da Soda Virtual, em João Pessoa (PB). A empresa recebeu 250 mil reais da campanha de Serra para prestar serviços de “criação e inclusão de páginas na internet”, segundo as prestações de contas parciais do tucano. O dono da empresa negou ter criado o site e disse que vai investigar o ocorrido.
Segundo informações da Folha de S. Paulo, a empresa também foi responsável pela criação de “Angry Haddad”, o aplicativo para o Facebook da campanha de Serra que imitava o jogo Angry Birds e teve que ser retirado do ar por determinação da justiça.
Esta é a segunda acusação grave de campanha negativa contra Serra na semana. Segundo reportagem também do Estadão, o Ministério da Educação pediu que a Polícia Federal investigue um publicitário que faz campanha para o tucano. Ele teria sido o responsável por iniciar um boato de que a próxima edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) teria sido cancelada.

Link:

Nenhum comentário: