Frases para não se esquecer!

"O que ameaça a Democracia é a fome, é a miséria, é a doença dos que não tem recursos para enfrentá-la. Esses são os males que podem ameaçar a Democracia, mas nunca o povo na praça pública no uso dos seus direitos legítimos e democráticos.". - Presidente João Goulart, em 11/03/1964.

Joseph Pulitzer: "Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma."

"O sigilo não oferecerá nunca mais guarida ao desrespeito aos direitos humanos no Brasil"

(Presidenta Dilma Rousseff, ao sancionar a criação da Comissão da Verdade)

Emiliano Zapata: “Mais vale, homens do Sul, morrer de pé que viver de joelhos!”

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Venezuela: consumo de alimentos cresceu 95,6% na era Chávez!


Venezuela: consumo de alimentos cresceu 95,6% na era Chávez - do Vermelho


“Nosso povo está melhor alimentado e isto é obra da revolução liderada pelo comandante Hugo Chávez”, disse o ministro da Alimentação, Carlos Osorio. Ao apresentar cifras preliminares de indicadores de seu ministério, comparadas com os dados de 14 anos atrás, quando Chávez assumiu a presidência, expôs um incrementro de 95,6%.


O consumo de alimentos em 1998, um ano antes da chegada de Chávez ao poder, se situava em 13,7 milhões de toneladas anuais (a população era então de cerca de 24 milhões de habitantes) enquanto que em 2012 se alcançou a cifra de 26,8 milhões de toneladas (a população é hoje de perto de 30 milhões).


Esse incremento obedece tanto a uma melhora no ingresso familiar como ao fato de que o Estado assumiu diretamente parte da distribuição e comercialização de alimentos com a criação das redes Mercal e Pdval e mais recentemente com os hipermercados Bicentenário e as operações de fim de semana.

No ano pasado esas redes comercializaram 4,2 milhões de toneladas de alimentos, que equivalem a 15,6% do total do consumo de toda a população em 2012. 

Entretanto, o ministro Osório assegura que o governo conta com “um sistema que chega a cerca de18 milhões de pessoas, isso equivale a 61% da população do país”.
Outro aspecto ressaltado pelo Ministério de Alimentação como pelo de Agricultura e Terras é que atualmente os venezuelanos comem mais carnes vermelhas. Uma conquista dos mercados do governo reside em que o consumo de carne por habitante cresceu 47% também nos 14 anos de governo de Chávez.

Dados desses organismos assinalam que incrementos similares se registram em todos os itens da cesta alimentar, porém sobretudo na ingestão de frango, pescado, arroz e farinha de milho.

Fonte: AVN


Link:

http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_secao=7&id_noticia=203649

Nenhum comentário: