Frases para não se esquecer!

"O que ameaça a Democracia é a fome, é a miséria, é a doença dos que não tem recursos para enfrentá-la. Esses são os males que podem ameaçar a Democracia, mas nunca o povo na praça pública no uso dos seus direitos legítimos e democráticos.". - Presidente João Goulart, em 11/03/1964.

Joseph Pulitzer: "Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma."

"O sigilo não oferecerá nunca mais guarida ao desrespeito aos direitos humanos no Brasil"

(Presidenta Dilma Rousseff, ao sancionar a criação da Comissão da Verdade)

Emiliano Zapata: “Mais vale, homens do Sul, morrer de pé que viver de joelhos!”

sábado, 25 de maio de 2013

O Brasil e seu ‘entorno estratégico’ na primeira década do século XXI!

O Brasil e seu ‘entorno estratégico’ na primeira década do século XXI - por José Luis Fiori, da Carta Maior


A Unasul é fundamental para manter a democracia e a estabilidade política na América do Sul.

Ao longo desta e das próximas semana, a Carta Maior publica os artigos do livro “10 anos de governos pós-neoliberais no Brasil – Lula e Dilma” (Boitempo, 2013), organizado por Emir Sader. A entrevista de Lula já foi divulgada. Agora, é a vez da análise de José Luís Fiori, que trata do ‘entorno estratégico’ do Brasil.



Os EUA continuarão a ser um poderoso Império durante o século XXI.
Crescimento da China modificou a economia mundial. 
No conceito de Paridade de Poder de Compra os BRICS, somados, já tem o maior PIB do mundo. 
No governo Lula, o Brasil ampliou a seu presença na África, cuja economia passou a crescer fortemente a partir dos anos 1990.
O brasileiro Roberto Azevêdo venceu a eleição para comandar a OMC, órgão  que regula o funcionamento do Comércio Internacional.

Nenhum comentário: